segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

[NOTICIA] Um excelente trabalho de Origami em perspectiva

Origami é uma forma de arte tradicional Japonesa de dobragem de papel para se obterem formas tipicamente de animais, mas virtualmente de qualquer outra coisa. A partir de Janeiro do próximo ano "Origami" é o novo disco dos Thanatoshizo, um dos mais vanguardistas e progressivos colectivos nacionais.

Gravado nos Blind & Lost Studios (propriedade da banda) e masterizado nos Finnvox Studios (Finlândia), a edição está a cargo da também nacional Major Label Industries. Originalmente previsto para Outubro, a data de lançamento foi adiada e está prestes a chegar-nos às mãos um disco que promete muito prazer auditivo. Se estiver ao nível do soberbo trabalho gráfico (responsabilidade de Andrea Sousa), então teremos sem dúvida um grande disco em mãos.

Isto porque "Origami" é um disco onde vamos encontrar músicas previamente editadas noutros trabalhos dos Thanatoschizo, com uma roupagem acústica, experimental e étnica, demonstrando bem todo o potencial e abrangência da banda de Trás-os-Montes. Um disco descrito pelos próprios como extremamente emocional, e que aguardamos com redobrada expectativa.

O alinhamento completo é o seguinte:
  1. inExistence
  2. (Un)bearable Certainty
  3. Nightmares Within
  4. Pervasive Healing
  5. RAWoid
  6. Sublime Loss
  7. Dance of the Tender Leaves
  8. Sweet Suicidal Serenade
  9. The Journey's Shiver
  10. Hereafter Path
  11. Last of the Few
  12. Pale Blue Perishes

2 comentários:

arleqvino disse...

..fico muito curioso. é uma banda que tenho seguido desde o primeiro disco. para além de se ter vindo a aprimorar a cada lançamento, continua a ser caso único no metal português..

Lurker disse...

Totalmente de acordo - sonoridade bastante diferente, postura ainda mais, e qualidade final ímpar. Merecem tudo o que de bom lhes possa acontecer! E também aguardo com curiosidade o que por aí vem.